02/05/2011

Revista Vigiai - Quem são as testemunhas de Jeová? - CACP

Nesta revista o Ministério CACP esclarece vários pontos contraditórios defendidos pelas Testemunhas de Jeová.
A intenção não é zombar ou discriminar aqueles que seguem os ensinamentos desta Igreja, mas sim trazer orientação sobre a Palavra de Deus.
Tipo de Arquivo: PDF
Tamanho: 2.28 MB
Número de páginas: 11
Download
Conheça os materiais oferecidos pelo Ministério CACP através do site:
http://www.lojacacp.com.br/

11 comentários:

  1. amigo esse link pra baixar essa revista ta furado, poe num link novo

    ResponderExcluir
  2. Graça e Paz do Cristo Vivo!

    Parabenizo pelo excelente trabalho realizado na editoração desta nova ferramenta de evangelização.
    Prometo ampla divulgação aqui na Ilha do Governador. Desde os membros da AD, como também à todos os alunos do IBADIG.
    Abraço deste vosso conservo...
    Donifan Macêdo da Fé, Pr.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi irmão Donifan. Seja bem vindo ao Blog. Desde que criei este Blog a intenção é pregar a Palavra de Deus e ajudar o próximo. A intenção em divulgar essa revista não é zombar dos nossos irmãos testemunhas de Jeová, mas sim trazer exclarecimentos sobre alguns erros. Obrigado por você também ajudar na divulgação. Abraço. Paz.

      Excluir
  3. Caros irmãos evangélicos, gostaria de pedir humildemente que se informassem mais a respeito de espiritismo e também sobre outras religiões que VOCÊS apesar de não conhecerem, afirmam que não são cristãs. Tenham a bondade e o respeito necessário para com o vosso próximo e para consigo mesmo, todos somos Humanos, cientificamente provado temos a mesma natureza genética. Então por favor, para que o mundo seja melhor um dia, colaborem e não mais apontem o dedo para a Fé de seu irmão, independente de cada religião em si, todos somos criaturas do Grande Criador MAIOR. Que a paz de JESUS reine em vossos lares e principalmente em vossos corações.

    ResponderExcluir
  4. Eu quero uma de Revista vigiai 😍

    ResponderExcluir
  5. vi a palestra do pastor batista pela qual fiquei sabendo da revista vigiai. discordo do que disse o pastor com relação às contradições das tjs. quando eu era batista, por assim dizer, pensava do mesmo jeito. como estudante da biblia sei que não é assim como se pensa. e ainda que alguma coisa tenha fundamento, isto é, sendo meia verdade, temos que lembrar que russell teve a influencia da propria cristandade pagã de sua época e que ainda continua com o mesmo paganismo, como por exemplo doutrinas mentirosas como natal que jesus adverte em apocalipse nos caps. 2 a 4 para se arrependerr de ter deixado tais paganismos entrarem na igreja. "mas que mal há em celebrar o natal?" eu também gostaria, nós gostaríamos, mas jesus deix bem claro sobre quem é o pai da mentira e jesus não nasceu em 25 de dezembro. é sabido que há muita coisa envolvida para beneficio da doutrina pagã. minha sugestao é: estudem conosco. pare um pouco. sinta o que é a organizaçao de Jeová. verá que não é o que pensam. lembrando que as contradiçoes supostas todas tem uma explicaçao plauzivel. referir-me-ei só a uma: vacina - todos ja ouvimos falar da revolta das vacinas, que o exercito adentrava às casas para aplicar a vacina à força porque o povo tinha medo. isso é mais ou menos a explicaçao para o ocorrido em termos de aceirtar-se ou nao, visto que o novo sempre traz consigo um certo temosr. logico que caber-me-ia raciocinar bem mais aqui sobre o tema para explicar o que acontecera pelo mundo quando a vacina se fez presente para prevenir o povo que a priori nao entendia bem. há muita coisa envolvida. é necessario ser verdadeiro, honesto para lidar com o assunto sem a irresponsabilidade da intolerancia religiosa. manifestei-me só porque indgnei-me com o desdém com que se apresentou o nobre pastor cujo nome me foge agora mas que é o mesmo que idealizara a revista vigiai. passem bem caros amigos. noa esqueçam: querem conhecer todos os fatos por um prisma diferente, estude com agente.

    ResponderExcluir
  6. Pastor Martinez é o nome do pastor que idealizou a revista vigiai. Louvável esforço do ponto de visto apologético evangélico, mas informo que não vai adiantar de nada. A Organização de Jeová é instrumento de Jeová e de Jesus. Lembre-se, é o escarvo fiel e prudente, designado por Jesus para cuidar das coisas do Rei Jesus. Como Gamaliel devo dizer - cuidado se esta obra é de Deus, ver-se-ão lutando contra Deus. Porque digo isso? - porque basta fazer um diagnóstico na Bíblia mesmo, usando Ferreira de Almeida para ver como o foco da pregação de Jesus era o Reino de Deus e que ele mesmo nunca se declarou Deus, mas Filho de Deus. Está muito claro nos Evangelhos, em Atos e nas cartas apóstolicas. Comparada a tradução do hebraico e grego ver-se-á a fidelidade às regras desses idiomas na Tradução do Novo Mundo. E ver-se-á o contrário nas traduções da cristandade, a saber King James Version; Cipriano de Valera; Ferreira de Almeida; e mais umas tantas em francês, italiano, alemão. A pergunta que me faço é : para onde foi o estudo das línguas originais feito nos seminários? Por que não se respeita as regras dos artigos, das preposições, do sentido contextual dos textos sagrados nessas línguas, enquanto traduzindo-as para as línguas vernáculas? Não podemos condenar sem antes conhecer e conhecer bem, não por ouvir dizer. Por isso meus amigos estudem a Bíblia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi irmão, seja bem vindo ao Blog. Como vc não se identificou vou te chamar apenas de irmão. Olha, como dito na postagem, longe aqui de querer zombar ou escarnecer de qualquer pessoa que siga a Cristo, aliás de nenhuma pessoa podemos fazer isso. Precisamos sim conversar e expor os entendimentos. Veja, não entendi qual sua intenção em dizer que Jesus nunca se declarou Deus. Veja o que Ele diz em Mateus 10:30:
      "Eu e o Pai somos um."
      Se são um, então Jesus é Deus.
      Fiz uma consulta de 3 minutos para achar essa passagem, logicamente não me aprofundei para achar outras. Apenas quis te mostrar essa aí.
      Mas veja, não tenho pretensão em entender como é isso, como é Deus, Jesus e o Espírito Santo. Nossa mente não consegue entender como três pode ser um. Se um é maior que o outro, como é cada um. Isso pra mim não interessa. Jesus morreu por nós, é o nosso Salvador. O Espírito Santo é o nosso Consolador, ajudador e quem direciona nossas vidas, é o nosso maior amigo aqui na terra. Assim, que façamos a obra de Deus aqui, levando o Evangelho a quem ainda não conheceu ou ainda resiste em não acreditar. Deus te abençoe. Volte sempre por aqui. Abraço. Paz.

      Excluir
    2. Entendi! Respeito a opinião do nobre pastor. Mas se me permite fazer um comentário sobre Mt 10:30 a mesma ideia está registrada em Jo 17: 11 quando Jesus orando ao Pai pede que seus discipulos sejam um com ele Jesus assim como eles(o Pai e o Filho são um) significando aí pela lógica da sintaxe que Jesus se referia a estarem em comunhão, união uns com os outros. Para mim não é nada de extraodinário Jesus serr Deus ou não, a questão é que ele é deus sim, mas não o objeto de adoração por assim dizer como o Pai o é. Como sabemos disso? Jesus mesmo disse isso em Mt 4:10, ou seja, só Jeová Deus deve ser adorado. O que estou afirmando é que a doutrina da Trindade não existe na Bíblia, nem a ideia. Os apóstolos não eram trinitaristas, não ADORAVAM A JESUS, davam-lhe a honra e a glória devida, mas não como ao Pai. Louvado seja Jeová Deus, o Deus Todo-poderoso, único Deus verdadeiro a quem devemos toda devoção e adoraçao. Que Deus abençoe ao nobre pastor também. PS. Não existe Organização mais PODEROSA na Terra que a Organização de Jeová. Anunciamos Seu Reino e a restauração que Jesus nosso Rei fará por ele, o Reino, vindicando o Nome Poderoso de Jeová.

      Excluir
    3. Obrigado por expor seu posicionamento aqui no Blog. Volte sempre. Façamos a obra de Deus, tem muita gente ainda distante Dele. Abraço. Paz.

      Excluir
    4. Obg. Vamos fazer sim, a evangelização. Abraço. Paz.

      Excluir

Não serão aceitos comentários ofensivos.
Obrigado.
Deus te abençoe.