13/10/2014

Ativistas LGBT zombam do Cristianismo

Será quem realmente são os FÓBICOS da história?? Quem realmente são os intolerantes e os zombadores??
O ativismo gay tem achincalhado e zombado do Cristianismo. Eles simplesmente não tem qualquer respeito. Querem respeito mas não dão o respeito!!

Ativistas LGBT promovem “cristianofobia” no Rio no dia 04/10/2014.

Blasfêmia agora é "protesto"?

Duas ativistas do movimento feminista Bastardxs promoveram um beijaço gay em frente à Igreja da Candelária, no Centro do Rio, no início da tarde de sábado. Seminuas, Sara Winter - ex-femen - e Bia Spring foram para a frente do templo católico promover um ato pacífico em favor do estado laico e pela criminalização da homofobia. As duas também proferiram palavras em repúdio ao discurso do candidato à presidência Levy Fidelix (PRTB) sobre a comunidade LGBT. “Há uma grande quantidade de candidatos e políticos eleitos que estão diretamente envolvidos com instituições religiosas, sobretudo cristãs, que tanto atrasam o desenvolvimento de nossa política, principalmente com relação aos direitos reprodutivos da mulher e também às políticas públicas voltadas para o público LGBT”, declarou Sara.

Como assim “ato pacífico”? E se um heterossexual, em lugar de apenas dizer que discorda do estilo de vida homossexual (valendo-se de seu direito de expressão, sem ser necessariamente homofóbico por isso), fizesse manifestação semelhante à das ativistas, quem sabe usando de maneira desrespeitosa a bandeira gay do arco-íris? O que aconteceria com ele? O que o cristianismo tem que ver com as palavras ditas pelo ex-presidenciável Levy Fidelix? Por que apontar as armas contra Jesus Cristo (que tanto amou prostitutas, discriminados, párias da sociedade), quando o assunto é homofobia? A atitude de Sara e Bia é desproporcional, desrespeitosa, preconceituosa e descabida. Trata-se de um claro exemplo de “cristianofobia”. Mas será que elas serão presas ou processadas por isso? Alguma organização como a OAB tomará providências a esse respeito? Ou, nesse caso, a liberdade de expressão está valendo? Será que elas teriam coragem de fazer isso em países islâmicos e protestar, quem sabe, contra a morte de cristãos e crianças inocentes nas mãos de radicais? Ser corajoso num país livre, cristão e democrático é fácil...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários ofensivos.
Obrigado.
Deus te abençoe.